Reiki e a Cura Plena através das mãos
Nível IIIA ou a Realização

Esse é o nível da expansão da consciência, comparando com a energia etérica, no nível I você ligou a corrente, no nível II a voltagem foi alterada de 110 para 220 e, nesse nível, a corrente é alterada de alternada para continua. Nesse nível você vai trabalhar com a energia fortalecida dos mestres do Reiki. Aqui uma nova sintonização é feita com uma energia de altíssima freqüência.
Esse é o grau de Mestre Interno, para uso pessoal, mas que não qualifica para lecionar o Reiki.
Esta disponibilizada para os Reikinianos que já receberam os dois primeiros níveis e estão prontos para receber essa fortíssima corrente de energia na iniciação, bem como a canalizar um volume energético muito maior for forma a tratar de grupos de pessoas simultaneamente, como  intervindo em cidades, países e no planeta.
É o nível a REALIZAÇÃO. É o mais interessante e surpreendente.

A principio a técnica REIKI envolvia três níveis. O nível III A foi desmembrado  do nível três de forma a propiciar a que alguns iniciados como você, possam trabalhar com a energia fortalecida dos Mestres do REIKI. Esse nível exige cuidado, em função da grandeza do volume envolvida quando ativado, promovendo a rápida eliminação dos bloqueios energéticos. Por isso, esse é o nível da prosperidade. Neste nível tocamos o Karma, regeneramos o planeta, além de podermos ir ao âmago dos sentimentos das outras pessoas, tocando seu intimo e sua porção divina.
A humanidade vive um dos momentos mais interessantes de toda sua história. Ao mesmo tempo em que assisti a um total falência de valores e de crenças religiosas, é forçada, conduzida pela ciência, a descortinar possibilidades infinitas, através das fronteiras do desconhecido. Perplexa paira no limiar do inusitado. Assiste ao renascimento do pensamento filosófico onde o ontem atualizar-se  em conceitos científicos avançados numa compreensão toda própria. Mesmo assim milhares de pessoas continuam a engrossar as intermináveis fileiras do fanatismo.
Ao longo da história observamos o homem degladiando-se consigo mesmo numa procura insana pelo poder e pela imortalidade. No poder quer encontrar o domínio de seu destino e, assim, eternizar-se
Os cientistas, em suas pesquisas, lançam-se rumo às fronteiras do sistema solar, atrevendo-se a decodificar o DNA e, assim, modificar sua historia material,com a pretensão de tornarem-se senhores absolutos da vida. Porém continuam, a saber muito pouco de sua mente e de sua real essência.
O homem é um complexo fabuloso, cuja beleza o coloca, neste momento da história como centro do universo. Ele é a grande incógnita. O maior de todos os desafios. Um grande desconhecido de si mesmo. Apesar de ter tido sido o centro de todo pensamento filosófico da antiguidade e objeto de estudo das ciências mais avançadas, o homem continua carente de objetividade na busca por si mesmo.
Ele vive quase total desconhecimento de sua natureza. Passa pela vida a realizar conquistas num âmbito meramente exterior. Aprende comportamentos sociais, religiosos, filosóficos e culturais sem que eles sejam verdadeiros com sua essência. Isso significa que vive para fora, para o outro, buscando a aprovação e o reconhecimento exterior, ou seja,dentro do mundo em que vive. Por isso vive só e insatisfeito, mesmo convivendo com um grande número de pessoas.
A educação recebida é e4xterna e nunca interna. Aprende-se a respeitar, a obedecer, a ouvir, reprimir-se em situações de fúria, racionalizar sempre, pensar ante de agir, dominar os instintos através do uso da razão. Mas não há, no entanto, uma educação que permite tornar integro o seu comportamento exterior com a sua realidade interior. Não é ensinado o que fazer com os pensamentos e os sentimentos deste tão complexo universo psíquico. A educação recebida não responde a isso, mesmo que a atitude seja incoerente como o sentir.
O desconhecimento quase que absoluto que o homem tem de si mesmo, de sua natureza e necessidades é o grande causador de todo seu sofrimento. Viver a relação consigo próprio é tão ou mais difícil do que vivê-la com os outros. Como se relacionar bem consigo mesmo se ele nada sabe acerca de si? Como é possível querer compreender o outro quando não  existe a menor possibilidade de se auto compreender:  O homem e quase sempre traído por seu corpo e por seus desejos, escravizados por seus pensamentos que tagarelam incansáveis, atordoando-o com inúmeras possibilidades reais ou imaginárias, que mais confundem do que elucidam. Falta-lhes maturação emocional, organização mental e uma atitude honesta em seus relacionamentos.
Hoje mais do que nunca, há uma necessidade premente de se buscar um caminho que leve cada um encontrar a si mesmo, através de um conhecimento profundo de sua natureza. Nunca, em tempo algum, o homem esteve tão próximo de sua verdade e, ao mesmo tempo, tão longe de si mesmo.
Gradativamente o homem se conscientiza de que lhe falta alguma coisa muito importante, mesmo que não saiba o que seja. Poderá parecer antagônico uma pessoa conviver consigo mesma a vida inteira e não saber quem realmente é, qual o objetivo último a ser alcançado e o mais grave, qual a sua origem e paternidade cósmica.
O homem não é somente a personalidade que expressa. Ele é im universo de possibilidades a ser desvendado e desenvolvido. O homem é um ser em expansão criadora, assim como o universo, portanto não está pronto. É alguém a ser acabado.

Projeção Astral ou Projeção da Consciência
Noções gerais sobre a projeção da consciência
Projeção da consciência é a capacidade  que todo ser humano tem de projetar a sua consciência para fora do corpo físico. Essa experiência tem recebido diversos nomes, dependendo da doutrina ou filosofia que a estude:
Viagem astral- esoterismo
Projeção Astral- teosofia
Experiência fora do corpo Parapsicologia
Desdobramento, Desprendimento Espiritual ou Emancipação da Alma- Espiritismo
Viagem da Alma- Eckarncar
Projeção do Corpo Psíquico ou Emocional- Rosa Cruz
Projeção da Consciência- Projeciologia.
Veículos de Manifestação da Consciência
Para compreendermos o fenômeno da projeção da consciência, é preciso entender que a consciência possui diversos veículos ou corpos de manifestação entender interpenetram e coexistem em freqüências vibratórias diferentes.
Podemos dividir os veículos inferiores de manifestação da consciência, assim:
Corpo mental- Pensamento – Plano Mental
Corpo Astral ou Psicossoma- Emocional- Plano Astral
Corpo Etérico – Energético – Plano Etérico
Corpo Físico ou Soma- Biológico Plano físico
A consciência está sediada no corpo mental. O corpo mental está sediado na região da cabeça extrafísica do corpo astral- psicossoma. O corpo astral está sediado por toda a extensão do corpo etéreo e físico. O corpo físico e etérico são só veículos de manifestação mais densos que a consciência possui, eles sustentam em suas estruturas os outros veículos de manifestação mais sutis e rarefeitos que são o corpo astral e o corpo mental. A projeção da consciência é o desprendimento temporário dos veículos de manifestações mais sutis astral e mental dos veículos mais densos físico e etérico. Esse desprendimento pode se dar com o corpo mental e astral juntos, projeção mais freqüente ou somente com o corpo mental separado.
O nome Projeção da Consciência parece ser o mais adequado para definir a experiência extra corpórea, pois abrange a projeção do corpo astral e projeção do corpo mental.
Quando a consciência, que está sediado no corpo mental- mental soma, se projeta para fora do corpo físico através do corpo astral- psicossoma, no plano astral – o fenômeno é denominado de projeção astral ou projeção do corpo astral. Quando essa se dá através do corpo mental no plano mental ou projeção do corpo mental.

Corpo Astral - Psicossoma
O corpo astral ou psicossoma pode ser definido como contraparte extrafísica do corpo físico, ao qual se assemelha e com o qual coincide minuciosamente, parte por parte. É uma réplica do corpo físico em toda a sua estrutura.
O corpo astral é constituído de matéria astral, que vibra numa freqüência mais sutil e é infinitamente mais refinada do que a matéria física que constitui o corpo físico.
Sendo um veículo de matéria extrafísica, o corpo astral é normalmente invisível e intangível ao olhar e toque físicos. Durante o estado de consciência ou junção dos veículos de manifestação ele está sediado por toda a extensão do corpo físico, interpenetrando-o completamente. Assim o corpo astral coincide com o corpo físico durante o estado de vigília. Mas no sono, os laços que mantém os veículos de manifestação unidos se afrouxam e o corpo astral/mental se desdobra do corpo físico/etéreo. Essa separação é que constitui a projeção astral ou mental.
Normalmente o corpo astral, quando projetado além do físico, mantém a forma daquele corpo, de modo que o projetor é facilmente reconhecido por aqueles que o conhecem fisicamente. Segundo muito pesquisadores do assunto, isto é devido ao fato de que a atração entre as partículas astrais e físicas, continuam mesmo quando eles são afastados. A partir deste princípio, explica-se plasmagem da indumentária extrafísica, uma vez que deve-se co0nsiderar que a mente é a comandante da moldagem psicossomática nos níveis consciente ou subconsciente.
O corpo astral ou psicossoma também é denominado de perispírito, duplo astral, corpo fluído.
Projeção Involuntária e Voluntária.
A projeção pode ser involuntária ou voluntária.
Na projeção involuntária a pessoa sai do corpo sem querer e não entende como isso aconteceu. Geralmente a pessoa se deita e adormece normalmente. Quando desperta, descobre que está flutuando fora do corpo físico na proximidade deste ou à distância, em locais conhecidos ou desconhecidos,com pessoas conhecidas ou desconhecidas, neste tempo-espaço ou em outros tempos-espaços, neste planeta ou em outros planetas.
Em alguns casos, a projeção ocorre antes mesmo de a pessoa adormecer. Na maioria das projeções involuntárias, a pessoa observa seu corpo físico deitado na cama e fica assustada, imaginando que está desencarnada. Alguns projetores ficam tão desesperados que mergulham no corpo físico violentamente na ânsia de escapar daquela situação estranha. Outros pensam que estão vivendo um pesadelo e procuram desesperadamente acordar seu corpo físico.
Entretanto, outras pessoas que se projetam involuntariamente se sentem tão bem nessa situação que nem se questionam sobre que fato é aquele,como ocorreu e porquê. A sensação de liberdade e flutuação é tão boa que nada mais importa para elas. Ao despertar no corpo físico, algumas imaginam que aquela vivência era um sonho bom. Muitos sonhos de vôo e de queda estão relacionados diretamente com a movimentação do corpo astral durante a projeção.
Existem as projeções voluntárias, nas quais a pessoa tenta sair do corpo pela vontade e consegue. Nesse caso, o projetor comanda o desenvolvimento da experiência e está totalmente consciente fora do corpo, pode observar seu corpo físico com tranqüilidade, viajar à vontade para lugares diferentes no plano físico ou extra físico, encontrar com outros projetores ou com pessoas desencarnadas. Pode voar e atravessar objetos físicos, retornando ao corpo físico no momento que desejar.

Tipos de Projeção
Existe três tipos de projeção, consciente, semiconsciente e inconsciente.
Projeção consciente é aquela na qual o projetor sai do corpo e mantém a sua consciência lúcida durante todo o transcurso da experiência extra corpórea.
Projeção semiconsciente é aquela na qual a lucidez da consciência é irregular e o projetor fica sonhando fora do corpo, totalmente iludido pelas idéias oníricas.
Projeção inconsciente- é aquela na qual o projetor sai do corpo totalmente inconsciente. É um sonâmbulo extra físico. Infelizmente a maioria das pessoas está nesta situação

Cordão de Prata
O corpo astral é ligado ao corpo físico por um apêndice energético conhecido como cordão de prata – através do qual é transmitida a energia vital para o corpo físico/etérico, abandonados durante a projeção, Em contrapartida, ele também conduz energia do corpo físico para o corpo astral, criando um círculo energético de ida e volta. Esse interfluxo energético mantém os veículos de manifestação em relação direta, independentemente da distância em que o corpo astral/mental estiverem projetados.
Enquanto os corpos estão próximos, o cordão é como um cabo grosso. Á medida que o corpo astral/mental se afasta das imediações do corpo físico/mental, o cordão torna-se cada vez mais fino e sutil.
O cordão de prata também tem recebido diversas denominações:
Cordão astral
]cordão fluídico]Dio de prata
Teia de prata
Cordão iluminoso
Cordão vital
Cordão energético.
Um dos medos básicos do iniciante é o que o cordão energético venha a se partir durante ao projeção, acarretando, assim, a morte do corpo físico. Tal medo é infundado, pois isso não acontece. Por mais longe que o projetor estiver, o cordão de prata sempre o trará de volta para dentro do corpo físico. Também é impossível o projetor se perder fora do corpo ou não querer voltar ao físico. Para voltar, basta pensar firmemente no seu corpo físico e o retorno se dará automaticamente. È nesse instante que muitos projetores têm a sensação de queda e acordam assustados.
Ponto de ligação do cordão de Prata.
O cordão de prata é um feixe de energias, um emaranhado de filamentos energéticos interligados. Quando ocorre a projeção, esses filamentos energéticos, que estavam embutidos em toda a extensão do corpo físico/eterico, projetam-se simultaneamente de todas as partes dele e se reúnem, formando o cordão de prata. Os principais filamentos energéticos são aqueles que partem da área da cabeça, através dos chakras coronário e frontal, interligados à glândula pineal no centro do crânio. Na parte projetada o cordão de prata se liga na parte posterior da cabeça extrafísica do corpo astral/mental.
Faixa de atividade do cordão de prata.
Durante a projeção é formada uma cúpula de energias que envolve, totalmente o corpo físico/etérico e o interpenetra em todas as partes. Essa cúpula se estende de três a quatro metros ao redor do corpo físico/etérico, em todas as direções. Sua origem e funcionamento estão intimamente relacionados com a ação do cordão de prata, do qual ela faz parte. Esse perímetro energético é denominado de faixa de  atividade do cordão de prata e é responsável por uma série de fenômenos projetivos que veremos mais a frente como catalepsia projetiva, estado vibracional ballonemant, oscilações astrais, tração do cordão de prata repercussão físicas.
Portanto, o projetor não deve ter receio que alguma entidade extrafísica possa se apossar de seu corpo físico,abandonando durante a projeção. Isso é impossível devido à ação dessa faixa de atividade do cordão de prata que mantém o corpo físico isolado de qualquer interferência.

Catalepsia projetiva
Ocasionalmente o projetor pode sentir uma paralisia dos seus veículos de manifestação principalmente dentro da faixa de atividade do cordão de prata. Essa paralisia é chamada de catalepsia projetiva. Não deve ser confundida com a catalepsia patológica que é uma doença rara.
A catalepsia projetiva pode ocorrer tanto antes quanto após a projeção. Geralmente ela acontece da seguinte maneira, a pessoa acorda durante a noite e descobre que não pode se mover. Parece que uma força invisível lhe tolhe os movimentos. Desesperada, ela tenta gritar, mas não consegue, tenta abrir os olhos, mas também não consegue, parece que decorrem horas de agonia. Por incrível que pareça essa catalepsia é benigna e pode produzir a projeção astral consciente se a pessoa ficar calma e pensar em flutuar acima do corpo físico. Caso a pessoa não queira se arriscar e deseja recuperar o controle de seu corpo físico, basta tentar com muita calma mover um dedo da mão ou qualquer parte do corpo e imediatamente irá readquirir os movimentos.

Sintomas da Projeção
Além da catalepsia projetiva, podem ocorrer pequenas repercussões físicas no início da projeção, principalmente nos membros. Muitas pessoa, quando estão começando a adormecer, têm a sensação de estar escorregando ou caindo por um buraco e despertam sobressaltadas. Isso acontece devido a uma pequena movimentação do corpo astral no interior do corpo físico.
Estado vibracional- são vibrações intensas que percorrem o corpo astral/mental e o corpo físico/etérico antes da projeção. Algumas vezes, essas vibrações se intensificam e formam anéis energéticos que envolvem os corpos. Ocasionalmente o estado vibracional pode produzir uma espécie de zumbido ou ruído estridente que incomoda o projetor. Na verdade, essas vibrações são causadas pela aceleração das partículas energéticas do corpo astral/mental, criando assim um círculo fechado de energias. Essas energias são totalmente inofensivas e têm como finalidade a separação dos corpos.
Oscilação Astral. É quando o corpo astral/mental flutua acima do corpo físico;etérico oscilando sem controle de um lado para o outro.
Ballonemant é a expansão das energias do corpo astral/mental para fora do corpo físico/etérico. Quando isso acontece em estado de vigília, a pessoa tem a sensação de que o seu corpo está inflando como um balão. É uma sensação gostosa e ocorre geralmente antes da projeção.

Características diferenciais entre projeção e sonho
Muitas pessoas confundem projeção com sonho. Outros confundem sonho com projeção. Essa confusão é proveniente da falta de acontecimentos sobre o assunto.
As diferenças entre o sonho e a projeção são:
O sonho a consciência não tem domínio sobre aquilo que está vivenciando, é totalmente dominada pelo onirismo. Não há coerência. Predomina a ilógica. A capacidade mental é reduzida. A pessoa é um espectador que apenas observa o fato.

Benefícios da projeção
A projeção é uma experiência impressionante e os seus benefícios são muitos, o projetor fora do corpo, observa eventos físicos e extrafísicos independente do concurso dos seus sentidos físicos e aproveita o tempo de sono necessário para repor as energias do corpo físico/etérico e com o corpo astral/mental pode se projetar conscientemente no plano astral e mental para estudar, trabalhar ajudar.

Amparadores Estrafísicos
Amparadores extrafísicos são espíritos desencarnados, amigos do projetor que o ajudam na projeção. São chamados de guias espirituais, benfeitores espirituais, protetores astrais, guardiões extrafísicos.
Em toda a projeção, os amparadores extrafísicos estão presentes assistindo e orientando o projetor, mesmo que ele não os perceba. Na maioria em que o amparador ajuda o projetor a sair do corpo é denominada de projeção assistida.

Ataque extrafísico e a autodefesa do projetor
O ataque extra físico é quando um espírito desencarnado ou projetado de forma hostil ataca o projetor fora do corpo. Se isso acontecer, o melhor é não ter medo e confiar em si mesmo para resolver o problema. Fora do corpo existe uma técnica de defesa infalível que é a exteriorização das energias na direção do agressor. Mesmo que sejam muitos os atacantes o projetor deve procurar se manter tranqüilo e confiante e estender as mãos extra físicas na direção deles, enviando energias de amor por sua vontade, como no passe, reiki ou imposição de mãos à distancia e com pensamentos altruísticos de paz, harmonia, equilíbrio e luz. No mesmo instante dessa emissão energética eles fugirão ou adormecerão onde estiverem, sendo conduzidos pelos amparadores para um local de tratamento no plano astral.

Universalismo e Cosmoética
Para fazer projeções de bom nível o projetor deve ter ética. Existe a ética humana e existe a cosmoética que é uma ética extrafisica ou espiritual, de nível mais avançado onde o projetor deve estar bem intencionado, sabendo o que irá fazer com as informações que obtiver a respeito da projeção e usá-las com discernimento e coerência para expansão da consciência e ajuda aos outros. Conhecimento implica em responsabilidade e sair do corpo de forma consciente não é brincadeira e nem turismo extra físico.
Portanto, é muito importante ter cosmoética para fazer a projeção, pois, se a intenção do projetor é aprender fora do corpo e ajudar os outros, ele terá ajuda dos amparadores extrafísicos. Entretanto, se o projetor tentar se prevalecer da invisibilidade e da intangibilidade do corpo astral ou psicossoma durante a projeção para invadir a privacidade dos outros ou tentar prejudicar alguém, acabará prejudicando a si próprio, pois a intenção negativa atrairá entidades negativas afins que a perturbarão.
Além da cosmoética, o projetor deve ter também o universalismo bastante avançado porque a projeção não admite idéia pequenas nem ortodoxias e tão pouco hipocrisias. No plano maior da vida, onde todas as consciências se interagem cm o plano astral/mental, o projetor não conseguirá esconder de ninguém o que ele é e o que pensa. O corpo astral e um, veículo de manifestação que reflete o que a consciência pensa, e é realmente, sendo o retrato vivo da consciência, com suas qualidades e defeitos.

Amplitude de Projeção
A projeção ocorre independentemente de idade, sexo, credo político ou religioso, raça, grau de instrução e nível de evolução. È uma capacidade inata em todos os seres humanos. Não pertence a nenhum mestre, doutrina ou instituição. É um patrimônio psíquico de cada individuo do universo que deve ser desenvolvido e dinamizado para auxiliar as consciências no seu processo de crescimento e evolução. A projeção é o fenômeno psíquico mais abrangente e prático de todos, pois coloca os planos extrafísicos ao alcance do projetor que, através da experiência pessoal e direta  adquire informações novas, reformulando conceitos antigos, expandindo sua consciência e se manifestando mais coerente nas suas atividades no plano físico. A projeção renova o projetor, pois o contato direto com realidades mais avançadas o estimula no seu processo evolutivo.

Sugestão para prática na projeção astral
Para realizar a projeção astral consciente é necessário praticar com vontade paciência e disciplina e na medida em que nos esforçamos os resultados aparecerão.
Muitos esperam se projetar já na primeira vez que realizam a prática, ás vezes dependendo da pessoa, isso pode levar semanas e até meses, há casos de pessoas que se projetam com facilidade, e, sem nenhuma prática, já se projetaram inúmeras vezes já outras não. Isso não quer dizer que o estágio da consciência daqueles que se projeta com facilidade é maior do que o que não se projeta, simplesmente quer dizer que este tem mais facilidade na projeção e o outro não.
De qualquer forma, realizando a prática qualquer um poderá em curto prazo de tempo, se projetar desde que pratique todas as noites,segue abaixo sugestões.

Preparação
Devemos nos preparar, tanto fisicamente como psiquicamente. O ambiente onde realizaremos a projeção, geralmente o nosso quarto de dormir, deve estar bem asseado e ventilado, a cama ou colchão onde vamos dormir deve ser confortável e permitir o fácil relaxamento. As roupas devem ser confortáveis e soltas. Para realizar a prática se aconselha não dormir muito tarde ou com muito sono, pois, neste caso, cheio de sonos, cairemos na cama e simplesmente desmaiaremos. Se costumamos dormir, por exemplo, às dez horas da noite, desde as nove já iremos nos preparar para a projeção, o certo é também serenar a mente, esquecer todos os problemas físicos, deixá-los para o dia de amanhã, pois agora nos cabe viajar na dimensão desconhecida, e lá os problemas físicos não tem a menor importância. Atitudes simples como estas nos permitirão e preparo para prática da projeção astral.

Praticando
Deitaremos-nos numa posição confortável, à posição mais recomendada é o decúbito dorsal, deitados com a barriga para cima, também pode-se deitar de lado, sendo desaconselhável deitar de bruços, pois assim ficará difícil nos levantarmos no momento da projeção se realizar, entre outros fatores negativos desta posição. Nesta posição deitado com os braços estendidos junto ao corpo ou cruzados no peito, vamos relaxar nosso corpo físico. Este relaxamento é importante para que possamos nos desprender do nosso corpo.

Relaxando
Imaginemos uma luz azul no coração, surgindo pequena como uma estrela e se alastrando por todo ele, e depois que esta luz preencher todo o nosso coração, ela irá descendo como uma cascata até a ponta dos pés, então imaginaremos ela subindo lentamente, subindo por dentro e por fora relaxando músculos, tendões, veias, relaxando tudo, pelas panturrilhas, coxas, pelos braços, relaxando o pescoço, a cabeça, a boca, o nariz, as pálpebras, as orelhas, subindo e relaxando todo o corpo, a imaginaremos retornando ao coração, aonde ela irá diminuindo até desaparecer como um pequeno ponto luminoso.

Meditando
Totalmente relaxados, sem sentir nosso corpo físico, partiremos para aproxima etapa a mantralização. Do Egito vem o mantra FA RAON que era muito utilizado no tempo dos faraós para projeção astral, este mantra é muito simples mas, antes de usá-lo devemos nos preparar para a prática e realizar algumas etapas.Estando deitados e relaxados, meditaremos com o mantra FA RAON, mantralizando-o de forma descrita abaixo, onde os pontos representam a nossa respiração :
FAAAAAAAAAAAA                RRRRRRRRAAAAAAAAAAOOOOOONNNNN
Podemos começá-lo de forma verbal, para gravarmos o som e a vibração do mantra,enquanto mantralizamos o mantra FA RAON, podemos imaginar as pirâmides do Egito, podemos nos imaginar como se estivéssemos dentro de uma delas amparados pelos Mestres Ascencionados e Amparadores Egípcios.
Após algum tempo, passaremos a realizar o mantra mentalmente, devemos nos manter totalmente concentrados no mantra, sem deixar que nenhum pensamento ou emoção nos tire deste intento, à medida que estivermos concentrados as sensações que antecedem a projeção astral, irão se processando.não podemos nos deixar desconcentra por elas, nem nos assustar bem os alegrar com estas sensações. Caso divague, volte a repetir mentalmente o mantra, qualquer reação psicológica que possa nos desconcentrar, devemos eliminar e voltar a repetir mentalmente o mantra.

Projetando
Meditando mentalmente com o mantra chegará o momento que sentaremos nos projetando para fora do corpo físico, devemos afirmar mentalmente a nós mesmos de forma decisiva e forte. Estou saindo do meu corpo físico.
Então nos levantaremos de nossa cama e daremos alguns passos e um saltinho com o intuito de flutuar no ambiente. Se após dar o salto, não flutuarmos, é que estamos ainda no físico, e devemos retornar o experimento.
Mas, no caso de flutuarmos, ocorrerá a comprovação direta que estamos projetados no plano astral, começando a viajar nesta dimensão desconhecida e o cordão de prata para trás e ver o nosso corpo físico deitado na cama dormindo e o cordão de prata ligando-nos a ele, dependendo do estágio de consciência. No caso de ver o corpo não se deve assustar, pois nesse caso o corpo chamará a pessoa de volta, e se perderá esta maravilhosa experiência; Devemos aproveitar a projeção astral para buscar conhecimento sobre nós mesmos e sobre o universo.


Revisão do Nível II- O caminho da transformação.
Revisando o curso de Reiki nível II o caminho da transformação lembramos que a divulgação do Reiki no ocidente se deu a partir de 1971 com Hawayo Takata, criando a AIRA AMerican International Reiki Association e iniciando a formação de 22 mestres .
Adentramos numa nova dimensão da cura natural com energia Reiki
Corpo físico e etéreo – nível energético
Corpo emocional – astral – nível subconsciente
Corpo mental- nível consciente.
Trabalhando não somente as matrizes do corpo físico e energético- nível I mas também as do corpo emocional e mental nível II, onde estão gravados todos os processos sintomáticos das emoções que causam as doenças. Atuando mais profundamente no subconsciente eliminando os padrões negativos- corpo emocional e reforçando atitudes positivas- corpo mental. Atingindo assim, um nível cada vez mais profundo a partir dos corpos físicos, etérico, emocional e mental, chegando as cadeias de DNA memória celular, através da reorganização celular promovendo a cura irrestrita, tratando todos os corpos sutis.
Vimos também que a energia Reiki é ampliada através do uso de três símbolos sagrados chamados yantras- desenhos e seus respectivos mantras – sons
Símbolo 1- choku-rei
Símbolo 1: Sei He Ki
Símbolo 3: Hon Sha Ze Sho Nen
Resumo dos símbolos no Curso de Reiki Nível II

1º - Cho Ku Rei
É o nome do símbolo Usui de aumento do poder. O nome do símbolo do poder significa: “Ponha todo o poder no universo aqui.”

yantra

mantra
- Cho-Ku-Rei
- Cho-Ku-Rei
- Cho-Ku-Rei

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha

 

O KU REI
Sei He Ki

é o nome do símbolo Usui mental/ emocional/ proteção/ purificação.

 

yantra

mantra
- Sei-He-Ki
- Sei-He-Ki
- Sei-He-Ki

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha


Hon Sha Ze Sho Nen
é o nome do símbolo que elimina a distância física ou temporal.

yantra

mantra
- Hon Sha Ze Sho Nen
- Hon Sha Ze Sho Nen
- Hon Sha Ze Sho Nen

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha

 

Técnica de Aplicação do Reiki à Distância- Nível II
Técnicas para aplicação do Reiki á Distância – Nivel II

TÉCNICA DO JOELHO
- Essa é a técnica em que tem sido encontrados os resultados mais efetivos.
É usada em substituição ou complementação a aplicação presente. Enfatiza o corpo etérico, e como conseqüência desbloqueia os canais energéticos para a recepção das energias superiores.
Devem ser seguidos os seguintes procedimentos:

  • Escolha uma de suas pernas para a aplicação do REIKI a distancia. Esta será sempre a mesma para que exista a correspondência vibracional. A recomendação é que os destros comecem pela perna esquerda e, os canhotos, pela direita.

  • Na perna escolhida o joelho corresponderá às 4 posições de cabeça, a coxa da mesma perna às 4 posições da frente do corpo e, a coxa da outra perna às 4 posições das costas mais as 2 posições dos pés. Todas as 14 posições tradicionais receberão energia através da correspondência desses 3 pontos.

  • Coloque a mão não dominante em concha sobre o joelho escolhido, ficando a outra mão livre para traçar os símbolos.

  • Trace o símbolo 3 ( mantra 3 vezes ), seguido do 2 ( mantra 3 vezes ). Nesse momento, afirme 3 vezes o nome da pessoa que irá receber o REIKI mentalizando seu rosto. Trace o símbolo 1 ( mantra 3 vezes ) e coloque a mão dominante ao lado da outra mão, sobre o joelho que estará correspondendo as posições de cabeça. Permanecemos irradiando energia por 5 minutos.

  • Deslize suavemente as duas mãos para a coxa da mesma perna, permanecendo nessa posição por mais 5 minutos; atingindo dessa forma todas as posições da frente da pessoa receptora.

  • Transfira uma mão de cada vez para a coxa da perna oposta, permanecendo assim por 5 minutos, dessa forma atingindo todas as posições das costas e dos pés da pessoa receptora.

    Após a aplicação, desconecte -se do campo áurico da pessoa lavando as mãos.

  • Caso você não conheça pessoalmente a pessoa para quem esta enviando o REIKI, não se esqueça de ter o cuidado de usar uma foto com o nome completo da pessoa, ou nome e endereço. mesmo que essa não se encontre em seu endereço, trabalhamos fora do tempo presente e logo ela receberá no ontem ou no amanhã.

  •  

  • Técnica entre as mãos

  • Imagine que o seu joelho é o corpo da pessoa; ministre a cura. Concentre-se na pessoa.

    Esta técnica destina-se á acontecimentos específicos, quando desejamos equilibrar o campo de energia de uma pessoa, num ambiente com mais pessoas envolvidas

    Colocar as duas mãos, com os dedos unidos e palmas voltadas uma para a outra, criando um espaço entre elas.

    Visualizar espaço entre as mãos, os símbolos 3,2,1, nessa ordem, não esquec3endo de repetir o mantra três vezes de cada símbolo. Ao fazer o símbolo 2, visualizar a pessoa a quem se destina o Reiki, nome, data do evento, com todas as informações possíveis e criar um padrão de imagem positiva do acontecimento, encerrar com o símbolo 1.

    Permaneça nessa posição 5 minutos e a energia será encaminhada especificamente para o acontecimento, em qualquer tempo espaço.

     

     

    Técnica do substituto

  • O praticante senta em uma posição confortável e começa uma sessão de Reiki em si mesmo. O praticante imagina-se aplicando Reiki na pessoa, e ao mesmo tempo visualiza os símbolos entrando.

    Esta técnica é usada para aplicações emergenciais à distância. Aqui usamos outra pessoa como molde da pessoa a quem vamos dirigir o Reiki, pode ser alguém que estejamos atendendo, ou nós mesmos. A ênfase desta técnica é para o corpo físico, tratando qualquer problema físico.

    Antes de começar a aplicação- no paciente ou nós mesmos visualizar sobre o chakra coronário os símbolos 3,2,1 ao fazer o símbolo 2 visualizar a pessoa a quem estamos direcionando a energia mentalizar o nome da pessoa e se quiser poderá fazer afirmações positivas por três vezes.

    Começar e prosseguir normalmente a aplicação na pessoa ou em nós mesmos e a energia Reiki estará atimgindo ao mesmo tempo e com igual intensidade do Reiki à distância.

  •  

  • Técnica do Caderno

  • Nesta técnica, usaremos um caderno de preferências com capa dura, pequeno, onde iremos colocar fotos, nomes e endereços completos, referenciais necessárias de pessoas a quem vamos direcionar a energia Reiki à distância, sendo que nesta técnica a ênfase recai sobre a interação de campos de energia à nossa volta e seus efeitos sobre o corpo emocional-mental.

    Como Preparar o caderno.

    Na contracapa da frente, desenhe os símbolos e seus mantras três vezes na seqüência 3,2,1 a mesma seqüência na capa de trás.

    Os símbolos ativarão o direcionamento da energia Reiki, para tudo que estiver constando do caderno por 24 horas, sendo que após as 24 horas será necessário reativar a energia.

    Reativar a energia do caderno- coloque-o sobre a palma da mãos, com a outra mão trace os símbolos 3,2,1 e mentalize o mantra de cada símbolo por três vezes,coloque o caderno entre as mãos com os dedos unidos por 5 minutos aplicando Reiki e a energia estará ativada por mais 24 horas.

     

    Caderno Pessoal

    Sugerimos também o uso de um caderno pessoal preparado e reativado, conforme acima, onde iremos escrever tudo que desejamos, alterar, realizar, obter, saber, liberar, equilibrar, compreender, curar.

     

    Podem dividir o caderno:

    Projetos para saúde física

    Projetos para saúde espiritual

    Projetos para saúde familiar

    Projetos para saúde profissional

    Projetos para saúde social.

     

    Normalmente utilizamos a oração para expressar ao Cosmos nossos desejos e solicitar sua ajuda. Esta técnica é uma forma de oração científica que poderá proporcionar a consecução de seus objetivos. Estaremos unindo nossos desejos com a energia cósmica que será impregnada nos mesmos, diariamente. Que se manifestarão conforme nossa necessidade e merecimento

    Poderemos inserir nesta técnica todas espécies de pedidos pessoais, tudo o que desejarmos, manifestar, transformar, criar, curar, compreender, libertar. Podendo ser colocado, fotos, recortes, etc... as possibilidades são ilimitadas.

    Assim como nas demais técnicas, vale lembra que devemos respeitar o princípio ético, não interferindo no livre-arbítrio de ninguém (como desejar o rompimento de alguém que desejamos conquistar). Neste caso, o correto será pedirmos que o verdadeiro amor manifeste-se em nossa vida.

    Podemos dividir o caderno em capítulos, um para cada categoria: físicos, financeiros, saúde, familiares, profissionais, amor, desenvolvimento pessoal, trabalho, relacionamentos, etc...

    Tenha consciência de que realmente deseja e necessita o que está pedindo, pois poderá consegui-lo. Utilize afirmações positivas, evite a palavra não.

  • Ativação do Caderno de Reiki

    Primeiro devemos escolher um caderno que seja prático, ou seja, pequeno, de capa dura e com pelo menos 50 folhas, que nos seja atraente.

    • Na contracapa devemos desenhar os símbolos 3, 2 e 1; nessa ordem, sempre ao lado, escrevemos três vezes cada mantra respectivo. Repetimos o mesmo processo na última capa, em seguida colocamos uma folha ou foto sobre os mesmos para não estimular a curiosidade de quem possa, eventualmente acessá-lo.

    Escreva, desenhe, cole, peça o que quiser sobre cada um dos assuntos. Lembre-se, não há limites para as manifestações.

    • Para ativação do caderno coloque-o sobre a mão não dominante em forma de concha (mãos de Reiki), com a outra mão desenhe os símbolos na seqüência 3, 2 e 1 sobre a capa. Aplique 5 minutos de energia no caderno entre as mãos, repita a mesma operação sobre a outra capa.

    • O caderno estará ativado e energizado por 24 horas. O caderno deverá ser reenergizado a cada 24 horas, aproximadamente. Os símbolos ativarão o direcionamento da energia Reiki a todos os pedidos que estiverem contidos no caderno.

    • A energização diária poderá ser feita em apenas 5 minutos, sobre um dos lados, sem a necessidade de virarmos o caderno como na ativação inicial.

    E caso de viajarmos e esquecermos o caderno em nossa casa, poderemos ativa-lo a distância. Programando a energia para que o ative no local específico.

     

    Em caso de algum desejo não ser realizado, isso significa que há algo que deve ser resolvido antes da manifestação do mesmo, assim que isso acontecer a manifestação de faz. Devemos, também, confiar na sabedoria Cósmica, Divina, nem sempre o que desejamos é o que necessitamos

  • Técnica da Caixa de Reiki

  • Esta técnica é usada essencialmente quando não temos dados suficiente sobre a pessoa a quem estaremos direcionando a energia Reiki, nome, ou endereço incompleto apelido, indicações. Bilhetes escritos à mão onde constem somente os problemas, informações de pessoas que vimos uma única vez e temos delas apenas uma vaga lembrança.

    Preparação:  escolha uma caixa de sua preferência. No fundo da caixa desenhe os símbolos, 3,2,1, escreva seus mantras, a energia já estará sendo direcionada para tudo o que constar na caixa, pelo período de 14 horas. Após deve-se reativar novamente.

    Como reativar. Segure a caixa em uma das mãos, e , com a outra com a palma virada para baixo dedos unidos sobre a caixa, trace ou visualize os símbolo, 3,2,1, repetindo os seus mantras três vezes e permaneça com a mão sobre a caixa por 5 minutos e a energia estará ativada por mais 24 horas.

    Esta técnica é uma ferramenta reikiana para praticarmos a caridade e compartilharmos essa maravilhosa dádiva com nossos semelhantes. Poderemos irradiar ininterruptamente essa energia amorosa para todas as pessoas que a solicitarem ou para situações que necessitam da mesma, sem para isso, que seja necessário todos os dados do receptor (podemos utilizar apelidos ou indicações simples, como o amigo do motorista ou atendente da venda, etc)...

    Quanto maior o poder, maior a responsabilidade”.

     

    Com o Segundo Grau de Reiki, temos uma poderosa ferramenta de cura, transformação e amor. Através desta técnica, podemos contribuir para o despertar da humanidade e para a elevação do padrão vibratório da mesma.

     

    Foi comprovado que os reikianos que utilizam esta técnica, alcançam maiores resultados na técnica anterior (a do caderno) que os que não a utilizam. É a Lei do Karma em ação.

     

    Ativação da Caixa de Reiki

    • Escolha uma caixa média de algum material que no futuro possa ser queimada facilmente (papelão, madeira, etc). Uma boa opção é uma caixa de sapatos.

    No fundo da caixa, internamente, colocamos os símbolos 3, 2 e 1, nesta ordem, cada qual com seu mantra respectivo três vezes. Colocamos sobre os mesmos uma folha para não estimular a curiosidade de quem possa, eventualmente acessá-la. Na tampa não há necessidade de colocarmos símbolos.

    • Feche-a e a envolva com um papel de sua preferência. Desta forma evitamos a curiosidade de outras pessoas e a deixamos mais atraente. Deixe um orifício para a inserção dos pedidos.

    • Dentro da caixa colocamos pedidos de diversas pessoas, simultaneamente, a quem desejamos direcionar a energia vitral. Podemos colocar fotos, bilhetes, pedaços de tecidos, etc.

    • A ativação é feita em 5 minutos da mesma forma que na técnica anterior.

    • A cada 24 horas é necessária a reativação da energia por mais 5 minutos.

     

    Quando a caixa estiver cheia, providencie uma outra e ative-a da mesma forma, você poderá optar entre continuar energizando a caixa antiga até sentir interiormente que todos os pedidos tenham sido manifestados ou inserir um pedido na caixa nova, representando os da antiga.

     

    Desfazendo-se da Caixa e/ou Caderno

    Ao sentir que deve desfazer-se da Caixa, assim como, do Caderno. Escolha um local discreto, podendo ser uma mata, e acenda uma fogueira. Antes de colocar a mesma para queimar, trace os símbolos HS e SHK (com seus respectivos mantras), agradeça ao Deus de sua devoção pela manifestação dos pedidos e pela oportunidade de servir de canal para a manifestação dos mesmos. Expresse a intenção de que eles tenham sido manifestados conforme a necessidade e merecimento de cada um. Trace o CKR (com seu respectivo mantra) e coloque-a para queimar. Durante o processo de transmutação, permaneça enviando Reiki à distância. As cinzas poderão enterradas no local de forma que não fique resquícios da Caixa ou Caderno e de seu conteúdo.

     

    Técnica da Redução

    Nesta técnica imaginamos o receptor em um tamanho que caiba entre nossas mãos.

     

    • Coloque-se em uma posição confortável

    • Posicione sua mão (mão de Reiki) não dominante em frente ao seu corpo (preferencialmente à altura do coração)

    • Imagine o receptor, em tamanho reduzido, ao lado dela

    • Com a mão dominante, trace os símbolos 3 e 2 (com os respectivos mantras)

    • Afirme três vezes que “o fulano de tal se encontra entre suas mãos e que estás enviando Reiki para ele”

    • Trace o CKR (com seu respectivo mantra)

    • Posicione a mão dominante em frente à outra

    • Entregue-se à aplicação, procure perceber o que está ocorrendo

    • Permaneça de 3 a 15 minutos enviando Reiki para o receptor

     

    Técnica do Substituto

    É utilizada, principalmente quando queremos enviar Reiki para algum órgão específico do receptor (fígado, rins...). Poderemos utilizar um boneco ou animalzinho de pelúcia para substituir a pessoa ou até mesmo, nós ou outra pessoa nos poderá servir de molde.

     

    • Trace, com a mão dominante, os símbolos 3 e 2 (com os respectivos mantras) no Chakra Coronário da pessoa ou boneco que servirá de substituto.

    • Mentalmente, visualize a pessoa e afirme (três vezes) que está enviando Reiki para fulano de tal (ou o órgão de fulano de tal), que se encontra em tal lugar

    • Trace o CKR (com o respectivo mantra)

    • Permaneça aplicando Reiki como estivesse fazendo, presencialmente na pessoa representada pelo substituto.

     

     

    Técnica da Foto

    Outra forma de se enviar um tratamento à distância é através de uma foto do receptora.

     

    • Escreva o nome completo da pessoa com os símbolos 3, 2 e 1 nesta seqüência, com seus respectivos mantras ao lado, três vezes

    • Em seguida coloque a foto à sua frente, então irradie Reiki ao receptor através da foto. É possível irradiar segurando a foto entre as mãos, se preferir.

    Na falta de uma foto escreva o nome e endereço da pessoa e tente imaginar o rosto da pessoa na sua mente. O procedimento seguinte é o mesmo acima.

    Vários reikianos poderão formar um círculo e colocar a foto ou o papel no centro (com o nome de uma ou mais pessoas) onde todos irradiarão. Lembre-se que a energia é multiplicada pelo quadrado do número de reikianos.

     

     

    Técnica do Dedo

    São inúmeras as possibilidades de envio de Reiki à distância. Você poderá estar em local onde necessite fazê-lo de forma discreta.

     

    • Mentalize que um dos dedos de sua mão representa o receptor (pessoa, animal, situação...)

    • Envolva-o, então, com a outra mão

    • Mentalize os símbolos 3 e 2 (com seus respectivos mantras).

    • Mentalize "Estou enviando Reiki à distância para (...receptor)

    • Mentalize o CKR (com seu respectivo mantra)

    • Permaneça enviando energia enquanto for necessário.

     

    Técnica da Cura do Coração

    O ressentimento, a raiva, a culpa, entre outros sentimentos negativos são venenos que nos afastam da felicidade, roubam nossa alegria e harmonia e semeiam doenças.

     

    Esta técnica destina-se àquelas pessoas que sentem necessidade de livrar-se desses venenos, manifestando o perdão.

     

    Possibilitará que acessemos um padrão adequado para essa manifestação, assim como para desenvolver o amor incondicional e focalizarmos a situação de outros ângulos (não nos apegando unicamente ao nosso ponto de vista, à nossa verdade).

     

    Poderá ser utilizada por quem já superou a mágoa e deseja esquecer, suavemente, a situação. Também pela pessoa que não se sente perdoada e acha que ainda mantém com alguém qualquer ligação de ressentimento.

     

    • Coloque uma mão (mãos de Reiki) em frente à outra na altura do Chakra Cardíaco, com as palmas voltadas uma para outra.

    • Mentalize o HSZSN (com seu respectivo mantra) entre as mãos.

    • Imagine que a pessoa que deseja perdoar ou para quem vai pedir perdão está à sua frente, e a luz do HSZSN vai em direção ao seu coração, e seu Chakra Cardíaco é impregnado por essa luz

    • Mentalize o SHK (com seu respectivo mantra) entre as mãos

    • Imagine que a luz deste símbolo vai em direção à pessoa, impregnando seu Chakra Cardíaco

    • Fale com a pessoa, perdoe e/ou peça perdão

    • Mentalize essa pessoa entrando no espaço entre suas mãos

    • Mentalize o CKR (com seu respectivo mantra) preenchendo todo o espaço entre suas mãos

    • Junte as mãos e aplique de 5 a 15 minutos de Reiki

     

    Auto Aplicação no Nível II

    Nesse nível a técnica padrão de auto aplicação do primeiro nível será precedido pelo acionamento dos símbolos 3, 2, 1 nessa seqüência. Nesse novel o tempo mínimo de permanência em cada posição diminuirá de 5 para 2,5 minutos. Passando o tratamento completo a ocorrer em 35 minutos.

    Para melhores resultados será nesse nível usada de forma diferente. Agora vamos colocar uma das mãos na testa e a outra na nuca.

    Os sim,bolos também nos permitem usar uma poderosa  técnica de auto aplicação de apenas 7,5 minutos da seguinte forma:

    Trace com a mão dominante acima do chakra coronário o terceiro símbolo e seu mantra três vezes

    Trace com a mão dominante acima do chakra coronáario o segundo símbolo, e seu mantra três vezes

    Escolha um dos joelhos e afirme 3 vezes que ele corresponde as três posições básicas da cabeça;

    Trace com a mão dominante acima do chakra coronário o primeiro símbolo, e seu mantra coloque as duas mãos sobre o joelho, uma ao lado da outra, em concha. Fale o mantra, mantendo as mãos nesta posição por 2,5 minutos

    Escorregue as mãos, trazendo-as sem levantá-lo as para a coxa da mesma perna. Afirme três vezes que essa posição corresponde as 4 posições básicas de frente do corpo. Mantenha as mãos nessa posição por mais 2,5 minutos.

    Traga as mãos uma de cada vez para a outra coxa, afirme três vezes que ela corresponde as 4 posições básicas das costas, mais as duas dos pés. Mantenha as mãos nessa posição por mais 2,5 minutos.

    Obs: Essa técnica pode ser usada quando aplicamos Reikii numa outra pessoa presente e queremos reduzir o tempo de aplicação para 7,5 minutos ou para 35 minutos.

  •  

  • CURSO DE REIKI – NÍVEL III-A O CAMINHO DA REALIZAÇÃO

    O curso de Reiki – nível III- A O caminho da Realização, denominamos este nível da consciência ou mestre de si mesmo, dando abertura para o crescimento pessoal  sem limites entrando em contato com a verdade e luz interior. Buscando pensamento, palavras e ações sempre positivas. Esta graduação envolve uma nova ativação energética, de alta freqüência, fundamental para efetiva melhoria de si mesmo e do Universo.

    Neste nível o reikiniano recebe mais dois símbolos do Reiki que ampliarão a ação dos símbolos recebidos no segundo nível, permitindo assim, trabalhar com a cura de grandes multidões, de estado, de países, de continentes. Podendo ser agentes de regeneração planetária. Aprende a trabalhar com a respiração violeta com o alinhamento de cura e com as cirurgias psíquica ou espirituais, que irão auxiliá-lo a atuar na cura da alma em sua essência no corpo causal ou nível espiritual.

    O quarto símbolo sagrado do Reiki tem duas versões a japonesa e a Tibetana. É o símbolo da realização o símbolo do mestre, ele traz sabedoria através da manifestação da divindade sobre o plano físico. É um poderoso instrumento de impulsão para harmonização do todo. Fará com que ocorra uma intensificação da capacitação da energia Reiki, ampliando e acelerando os efeitos de todos os símbolos Reiki nos planos multidimensionais, provocando profundas transformações, o que muitos chamam de milagres, atuando:

    Corpo causal- nível Espiritual

    Este novo símbolo nos leva ao âmago dos sentimentos das outras pessoas, permitindo-nos conectar com suas partes mais puras, suas porções Divinas. Sua utilização permite uma conexão imediata entre o eu inferior- Ego com o eu superior- espírito, através do nosso eu intermediário- alma. Logo seu uso é indispensável durante o processo de sintonização para as iniciações dos novos Reikinianos.

    Cada um dos símbolos Reiki se dirige, de maneira especifica a um dos corpos vibracionais, nos diversos planos multidimensionais. Assim como a ressonância do símbolo Cho Ku Rei é mais intensa nos corpos físico e etérico, a ressonância do símbolo Sei He Ki atua no corpo emocional ou astral, a ressonância do símbolo Hon Sha Ze Sho Nem já tem sua atuação no corpo mental. A ressonância do símbolo Daí Koo Myo é mais intensa no corpo causal ou espiritual, é uma cura muito poderosa que sana o mal na sua causa.

    Este símbolo vai direto á energia da divindade, á energia da fonte, ligando a pessoa receptora a essa energia. É a energia terapêutica mais potentes que dispomos no planeta terra e sem potencializador da energia cósmica universal.

  • Dai Koo Myo

    é o nome do símbolo Usui de mestre. Este símbolo possui muitas traduções, porém na "Enciclopédia da Filosofia e Religião Oriental" é traduzido como: "casa do tesouro da intensa luz resplandecente".

     

    yantra

mantra
- Dai Koo Myo
- Dai Koo Myo
- Dai Koo Myo

  • mudra
    Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha

  •  

  •  

  • Cura do corpo espiritual
    Levando de volta a Deus
    Ativação- repetir mantra três vezes- Daí Koo Myo
    Onde e como usar este símbolo
    Para limpeza e harmonização de ambientes no plano espiritual
    Desenhe este símbolo repetindo o seu mantra três vezes, colocando a intenção desejada.
    Para realização dos demais símbolos: desenhe este símbolo repetindo o seu mantra três vezes colocando a intenção desejada
    Sua utilização é um potencializado em qualquer espécie de trabalho de cura ou transformação, permitindo a realização, podendo ser ativado em qualquer lugar ou situação até dirigindo veículos. Ativado o Reiki começa a fluir em nossas mãos independente do que estejamos fazendo. Deve ser sempre usado antes dos símbolos 3,2,1 para potencializá-los. No auto tratamento usamos o símbolo 4, depois o 1. Em trabalhos de problemas emocionais,  seqüência de ativação dos símbolos é 4,2,1. Em processos mentais e curas ou transformação fora do tempo e do espaço, usamos o símbolo 4,depois 3,2,1. Da mesma forma, curamos multidões ou outras pessoas. Nesse último caso esse símbolo, assim como os demais deve ser visualizado sobre a cabeça do paciente  no sentido da testa para a nuca.
    Quanto a técnica aprendida no II nível inclui-se o Daí Koo Myo ficando a seqüência 4,3,2,1. Assim, com essa combinação podemos irradiar a energia para um numero ilimitado de pessoas,
    Nas técni9cas de transformação do caderno e da caixa, essas receberão a inclusão do Daí Koo Myo, passando a seqüências de ativação a ser $,3,2,1. Como também para energização de cristais, pedra, em questão entre suas mãos em concha, enviando energia Reiki. Inicialmente visualize o símbolo 4, e então os outros símbolos.

  •  

  • Símbolo da potencialização
    Ativação repetir o mantra três vezes- Daí Ko Myo

  •  

  • Dai Ko Myo
    é o nome do símbolo tibetano de mestre.

  •  

  • yantra

mantra
- Dai Ko Myo
- Dai Ko Myo
- Dai Ko Myo

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha

Significado de cada um dos três Kanjis componentes do símbolo Daí Koo Myo

Daí- Divindade sabedoria da cabeça, luz radiante de um iluminado

Koo- brilho ou luz do sol

Myo- sol à esquerda e lua à direita- eterna luz

Onde e como Usar este símbolo
Estes novos símbolos sagrados do Reiki serão usados juntamente com os demais já aprendidos, porém, serão os primeiros a serem utilizados nos tratamentos, pois cada um dos símbolos se dirige, de maneira especifica, para um dos corpos vibracionais.

Símbolo 4- Daí Ko Myo- Versão Tibetana- Abreviação DKMT- Este símbolo é ativado para abrir e fe3char a cura, pois tem a função de potencializar os símbolos sagrados do Reiki. Este símbolo contém a energia mais poderosa que centraliza o KI pois a espiral cria um vórtex de energia que atrai outras energias positivas. Lembre-se a natureza se movimenta em espiral.

Símbolo 4- Daí Koo Myo- versão Japonesa- Tradicional- ABREVIAÇÃO dkmj- Este símbolo é ativado em primeiro lugar, pois atua no corpo causal- nível espiritual, é utilizado para cura da alma, curando a doença na
sua essência, nos desequilíbrios energéticos nos níveis espiritual, mental, emocional, etérico e físico.

Símbolo 3 Hon Sha Ze Sho Nem- abreviação HZN- Este símbolo é ativado em segundo lugar, pois atua no corpo mental- nível consciente, é utilizado para cura do Karma, através do processo de iluminação, eliminando tempo-espaço, permitindo a reprogramação mental para padrões positivos no passado, no presente e no futuro.

Símbolo 2- Sei He Ki abraviação SHK- Este símbolo é ativado em tewrceiro lugar, pois atua no corpo emocional- nível subconsciente, é utilizado para cura emocional, ativando, equilibrando, harmonizando nossas emoções mais profundas, trazendo os conteúdos do subconsciente para serem trabalhados no consciente.

Símbolo 1- Cho Ku Rei abraviação- CKR. Este símbolo é ativado em quarto lugar, pois atua nos corpos físico e etérico- níveis físico e energético, éutilizado para a cura do físico e etérico, através: limpeza, transmutação, purificação e ampliação da energia cósmica universal.

 

Cho Ku Rei
é o nome do símbolo Usui de aumento do poder. O nome do símbolo do poder significa: “Ponha todo o poder no universo aqui.”

 

yantra

mantra
- Cho-Ku-Rei
- Cho-Ku-Rei
- Cho-Ku-Rei

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha

 

 

O KU REI
Sei He Ki

é o nome do símbolo Usui mental/ emocional/ proteção/ purificação.


yantra

mantra
- Sei-He-Ki
- Sei-He-Ki
- Sei-He-Ki

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha

 

Hon Sha Ze Sho Nen
é o nome do símbolo que elimina a distância física ou temporal.

 

yantra

mantra
- Hon Sha Ze Sho Nen
- Hon Sha Ze Sho Nen
- Hon Sha Ze Sho Nen

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha

 

Símbolo da potencialização
Ativação repetir o mantra três vezes- Daí Ko Myo

Dai Ko Myo
é o nome do símbolo tibetano de mestre.

yantra

mantra
- Dai Ko Myo
- Dai Ko Myo
- Dai Ko Myo

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha

 

Dai Koo Myo
é o nome do símbolo Usui de mestre. Este símbolo possui muitas traduções, porém na "Enciclopédia da Filosofia e Religião Oriental" é traduzido como: "casa do tesouro da intensa luz resplandecente".

 

yantra

mantra
- Dai Koo Myo
- Dai Koo Myo
- Dai Koo Myo

 

mudra
Desenhar o yantra com os dedos unidos pela polpa digital e à mão livre no espaço e o tocar com as mãos em forma de concha por três vezes à entoação do mantra e o aplicar com as mãos em concha


STUPA
A fórmula do Reiki nasceu dos Sutras Mahayana e suas interpretações místicas. Os 5 símbolos do Reiki correspondem aos 5 níveis da mente que levam a iluminação, também representam os 5 elementos (terra, água, fogo e, vento (ar) e vazio (espírito), as 5 cores (amarelo, branco, vermelho, preto e azul), e as 5 formas (quadrado, círculo, triângulo, semicírculo e o cintamâni) que compõem a Stupa, também estão associados aos chakras. Juntos os 5 símbolos do Reiki são a não-dualidade da mente e do objeto, e o esvaziamento do ego, que alcança o Nirvana. Originalmente eram usados com propósito espiritual e não de cura. Os ensinamentos do Reiki foram transmitidos por mais de 2.500 anos, transcendendo uma variedade de línguas e culturas até chegar ao Ocidente. Como o próprio Budismo, o Reiki adapta-se a qualquer cultura onde se encontre).
STUPA = Relicário onde se guarda resto mortal dos grandes mestres, sua estrutura básica comporta os 5 elementos (terra (fisco/etéreo), água (corpo emocionalmental), vento (corpo), fogo (corpo espiritual, vazio (Iluminação)), tem ligação com a verdade absoluta e é grande proteção contra energias negativas).

Éter – o Absoluto espírito- Eu sou- Raku
Vento- Nirvana- Corpo Espiritual- Daí Ko Myo
Fogo- Iluminação- Corpo Mental- Hon Sha Ze Sho Nem
Água- Prática- Corpo emocional- Sehi He Ki
Terra- A consciência- Físico/etérico- Cho Ku Rei

Preparação do Reikiniano para as Aplicações com Reiki Nível IIIA
Sugestões

Preparação de Ambiente- Desenhe na sua frente um grande DKMT, repetindo o mantra 3 vezes, repita esse processo para DKMJ-HZN-CKH, ancorando no DKMT e expandindo para todo o ambiente. Se quiser poderá colocar uma cor no DKMT e potencializar as vibrações desta cor para os outros símbolos envolvendo todo o ambiente nos planos multidimensionais- etérico/físico, astral, mental e espiritual.
Preparação pára auto aplicação:
Desenhe na sua frente um grande DKMT repetindo o mantra 3 vezes, repita esse processo para DKMJ, HZN,SHK,CKH traga-os para si como se estivesse vestindo todos os símbolos potencializado pelo DKMT para ativar equilibrar e harmonizar todos os níveis vibracionais- etérico/físico, emocional mental e espiritual- Desenhe pequenos CKR em cada chakra começando pelo básico até o coronário. Desenhe em suas mãos o DKMT repetindo o mantra repita esse processo para DKMJ-HZN-SHK-CKH.
Preparação para aplicação em outras Pessoas. Inicie o tratamento da pessoa presente e/ou a distância, fazendo uma afirmação:
Deus fazei de mim um instrumento de vossa paz, que através das minhas mãos transmita a mais pura energia cósmica universal- Reiki Abra o campo áurico da pessoa, se conecte com ela e em cada posição ancore os símbolos com seus respectivos mantras para acelerar o tempo da aplicação e conseqüentemente o processo de cura da pessoa em todos os níveis vibracionais etérico/físico, emocional mental e espiritual. Encerre o tratamento fechando o campo áurico da pessoa e fazendo uma afirmação: Eu finalizo esta aplicação com Luz e Amor Divino.
Envio da Energia Reiki Diariamente para Cura da Humanidade e do Planeta
Desenhe na sua frente um grande DKMT repetindo o mantra 3 vezes, repita esse processo para DKMJ-HZN-SHK-CKH, ancore todos os símbolos potencializando pelo DKMT na Cãmara do Santo ser Crísitico- atrás do chakra cardíaco e expanda-os envolvendo você, família, lar, bairro, cidade, estado, país, continente, planeta, sistema solar, galáxia e todo Universo em Expansão na Luz Crística.
Criação do hábito de usar a técnica do caderno para envio de Reiki à distância
Na contracapa da frente – papel em branco desenhe os símbolos (Yantra) e escreva seus respectivos mantras 3 vezes na seqüência DKMT,DKMJ-HZN-SHK-CKH, repita a mesma operação na contracapa de trás. Cole sobre os símbolos e mantras uma foto ou ilustração de sua escolha a fim de preservá-los de olhares curiosos de pessoa não habilitadas para usá-los. Is símbolos ativarão o direcionamento da energia Reiki, para tudo que estiver no caderno por 24 horas, sendo que após 24 horas, será necessário reativar a energia.


Respiração Violeta
Respire e Visualiza uma luz branca entrando em seu corpo pelo chakra coronário, passando por todos seus outros chakras, pela língua e continuando pela frente da parte do corpo, passando entre as pernas e subindo pelas costas parando no coronário. A energia preenche sua cabeça numa nuvem branca. Aos poucos esta energia branca se torna azul e depois para violeta girando no sentindo horário.
Contrair Hui Yin e colocar a ponta da língua no céu da boca- ativação da pituitária
Neste vertes de luz violeta, visualize o DKM T numa luz divinamente branca
Quando a visualização estiver clara e intensa desenhe o DKMT expire a energia violeta  e o DKMT no chakra coronário do paciente.
Lembre-se de mantewr o Hui Yin contraído e a língua no céu da boca durante todo o alinhamento


Alinhamento de cura
Este alinhamento oferece a todos os níveis da energia Reiki, permitindo assim o uso da energia para auto cura do paciente. A energia Reiki estará constantemente circulando todos os corpos do paciente. Este alnhamento não é uma iniciação em Reiki. Este é um alinhamento pessoal e permanente. Oferece uma excelente limpeza no campo energético do paciente. Se o paciente desejar trabalhar mais seriamente na auto cura, sugerir que ele seja iniciado em Reiki I, por um Reiki/mestre/Professor.
Posicione seu paciente sentado numa cadeira com os dois pés no chão e as mãos gentilmente descansando sobre as pernas.
Posicione-se atrás do paciente e faça uma prece, pedindo pelo auxilio dos seus mestres, seu eu superior e de seu paciente. Peça pela ajuda de todos os mestres em Reiki e inclua Arcanjos, Anjos Mestres Ascencionados e seres de luz;
Silenciosamente expresse que você está oferecendo um alinhamento de cura, desenhe na palma das mãos os seguintes símbolos; GKM, CHH, SHK, HZN repetindo seus  mantras três vezes.Desenhe na sua frente um CKR grande.
Desenhe pequeno CKH em cada um de seus chakras, começando pelo Kundalini. Agora desenhe no ambiente todos os símbolos na mesma ordem que você desenhou nas palmas da mão e pense na intenção de purificar, proteger e envolver o local durante este alinhamento
Caso você já tenha feito esta auto preparação e preparação do ambiente não será necessário repeti-la
Inicio do tratamento
Sinta os pés no chão recebendo as energias da terra e no coronário recebendo a energia universal.
Coloque suas mãos no topo da cabeça do paciente e feche os olhos. Medite e se conecte profundamente com seu paciente. Sua intuição lhe dirá quando prosseguir
Faça a respiração violeta e  mantenha o Hui Yin contraído e a língua no céu da boca de agora até o final do alinhamento.
Abra sua mãos e desenhe o DKM T e expire a Luz Violeta com o DKMT no chakra coronário do paciente,visualizando sua entrada enquanto o conduz com sua mão do topo da cabeça até o chakra cardíaco nas costas do paciente repetindo o nome do símbolo 3 vezes e repita da mesma forma com os símbolos CKH, SHK, HSZN
Agora mova-se para frente do paciente e desenhe o DKMT no chakra coronário do paciente e guie o símbolo até o plexo solar do paciente. Repita o nome do símbolo 3 vezes e visualize o símbolo se estabelecendo no plexo solar. Quando terminar gentilmente toque com a ponta do seu dedo no topo da cabeça  para que a energia do símbolo ancore no paciente e repita da mesma forma com os símbolos CKR, SHK, HSZSN

RESPIRAÇÃO DOS CHAKRAS - VITALIZAÇÃO E EQUILÍBRIO
Devemos nos conscientizar que a respiração é o nosso elo de ligação com todas as coisas. Todas as pessoas, animais, plantas, respiram o mesmo Ar e você inala aquilo que eles exalam e vice-versa.
Mas não é só externamente que o ar nos liga a tudo. Em nosso interior o Ar estabelece um intercambio permanente entre nossas células e a energia universal, suprindo nosso corpo com Energia Vital.

TÉCNICA DE RESPIRAÇÃO COM O CHOKU REI

Sente-se numa posição confortável, com as costas eretas, olhos fechados e permaneça alguns minutos em silêncio sentindo o seu ritmo respiratório.

Dirija sua atenção a respiração - inale e exale o Ar com calma e uniformemente pelo nariz, duas ou três vezes, seguindo a seguinte regra geral: Quando o Ar entra a barriga sai, quando o Ar sai, a barriga entra, de forma a aumentar sua receptividade de Prana.

Visualize à sua frente o Choku Rei ( símbolo 1 ), na altura de seu Chakra básico e, ao inspirar sinta o Chakra participando do processo - respirando pelo Chakra - e que o símbolo é absorvido pelo Chakra básico. Nesse momento, observe a pulsação do símbolo nesse Chakra, sinta a expansão da energia.

Ao expirar, visualize todas as emoções negativas sendo expelidas do seu corpo, do Chakra ( uma boa imagem das emoções negativas saindo é a de uma nuvem escura de fumaça).

Visualize o Choku Rei pulsando no local, como um grande coração dourado.

Repita essa operação com os outros 6 Chakras principais e, ao atingir o Coronário, ( no topo da cabeça ) , após expirar e sentir o Choku Rei Pulsando, visualize um imenso Choku Rei sobre sua cabeça, sinta-o apenas por alguns minutos, e depois visualize-o entrando pelo Chakra coronário e indo até a planta dos pés. Aí, o Choku Rei sai e é absorvido pela terra.
IMPORTANTE: Quando estiver visualizado o Choku Rei você pode fazer afirmações positivas. de abertura e harmonização, três vezes, e assim estará intensificando seu processo de limpeza.

CIRURGIA ESPIRITUAL TÉCNICA KAHUNA REIKI

As cirurgias espirituais serão aqui chamadas de Cirurgias Psíquicas, por entendermos ser esse nome mais apropriado. Nesse Nível, pelo volume de energia manipulado você consegue a matéria prima para a realização de curas admiráveis, através do Ectoplasma. Mesmo sendo realizadas sem cortes, ou qualquer outro tipo de agressão ao corpo físico ( sangue, anestesia, etc) suas curas são comprovadas por radiografias e outros exames. A técnica que aqui apresentamos foi desenvolvida pelo Mestre William Lee Rand em sua convivência com os Kahunas no Hawai. Pode ser aplicada em si próprio ou em outras pessoas. Baseia-se no fato de que as doenças, em geral, são criadas por barreiras energéticas ao fluxo normal de energia vital. Esses bloqueios são criados por pensamentos e emoções oriundas de desarmonias. Esses bloqueios, muitas vezes, adquirem forma definida e se alojam nos órgãos, em volta destes, nos Chakras ou na Aura. Podem causar problemas não só de saúde física, mas diversas desordens em campos variados da vida. Quando removidos, a Energia Vital retoma seu fluxo normal e a dificuldade é sanada, sendo restabelecida a Qualidade de Vida. Esse é um tratamento complementar, em hipótese alguma substituindo o tratamento médico, devendo ser aplicado em conjunto com esse.

 

7.1 - SEQÜÊNCIA DA CIRURGIA

Inicialmente, devemos perguntar ao cliente se deseja ser curado, assim, respeitando a lei cósmica do livre arbítrio;

Após a resposta positiva do cliente, identificamos o motivo da cirurgia, em que parte do corpo físico esta o problema, a fim de localizar o bloqueio. Geralmente, o cliente sente tensão, dor ou alguma outra manifestação diferente quando pensa no assunto;

Peça ao cliente para dar uma forma e uma cor ao bloqueio que será removido ( cubo, esfera, pirâmide, bola, etc ).

Nesse ponto, o cliente poderá estar de pé, sentado ou deitado. Desenhe o Dai Koo Mio nas palmas das suas duas mãos e bata palmas 3 vezes, repetindo oral ou mentalmente seu Mantra, três vezes. Faça o mesmo com o Choku Rei;

Trace o ChoKu Rei em frente ao seu corpo. Depois, novamente, para cada um dos 7 Chakras iniciando pelo Básico, e indo até o Coronário (de baixo para cima ), selando seu corpo, gerando defesa e proteção psíquica. Não esquecer de repetir o Mantra três vezes para cada Chakra.

Nesse ponto, alongue o Ectoplasma que envolve seus dedos. Para isso, agarre seus dedos com uma das mãos, um de cada vez, imaginando-os compostos de uma substancia maleável. Eles serão esticados a uma distância de aproximadamente 25 a 30 cm. Ao esticá-los, expire pela boca, fazendo ruído audível. Faça isto em ambas as mãos. Mexa suas mãos de modo a sentir os dedos esticados e a força energética contida nos mesmos. Esse serão seus bisturis energéticos.

Mantenha todo o tempo uma INTENÇÃO de Cura, uma postura otimista, confiante, definida e clara;

Faça uma oração dirigida a Deus, em voz alta ou mentalmente para você. Peça a Deus, aos Anjos e Arcanjos, aos Mestres de REIKI e da Luz Curadora, para auxiliarem no processo de Cura e que essa, ocorra com Amor e Sabedoria Divina;

De pé, numa posição de vigor e determinação, utilizando seus dedos energéticos alongados, seu bisturi, encontre, agarre o bloqueio, puxando-o para fora do campo áurico do cliente e remetendo-o em pedaços ao Cosmos;

Quando retirar a Energia Nociva, inspire vigorosamente, com sons audíveis. Ao liberar essa energia nociva, expire vigorosamente, também com sons audíveis. A fim de evitar e prevenir contaminações imagine-se inspirando a energia nociva até as mãos, e nunca até aos pulmões. Essa energia nociva deve ficar restrita aos dedos energéticos alongados e não ao nosso corpo;

Repita esse procedimento pelo menos 5 vezes, durante um a três minutos, retirando o bloqueio por ângulos diferentes. Use suaintuição, tente sentir e participar do que esta havendo.

Nesse ponto, pergunte ao cliente se sente alguma alteração. Caso ainda persista o bloqueio, repita o processo até que o cliente sinta que a forma ( bloqueio ) se foi completamente. Quando isso acontecer, o objetivo terá sido alcançado e ambos ganharam.

Terminada a operação, aplique REIKI no local operado, cauterizando a AURA onde estava localizado o bloqueio, enchendo-a de Luz;

Afaste-se, rompa a interação Áurica entre vocês fazendo um corte, como uma golpe de karate. Retraia os dedos energéticos alongados, um por vez, fazendo sopros Audíveis;

Faça outras sessões de Cirurgia se os sintomas não desaparecerem totalmente

Iniciação No Reiki
A palavra iniciação provém de uma raiz latina que significa começar. A iniciação pode ser considerada um novo começo, a transformação para uma nova forma de ser.
Uma analogia pelo Mestre Tibetano DJWHAL KHUL é que uma iniciação seria como a passagem através de um portal.
Existem vários tipos de iniciações pelas quais passamos na vida.
 
No Reiki
O aluno senta-se em uma cadeira, com as costas retas e as mãos unidas na altura do coração, em meditação. O mestre realizará alguns procedimentos simples, em que usará os símbolos do Reiki, seus mantras, toques sutis e o sopro para desbloquear os canais de energia do aluno. A partir deste momento, a energia vital universal fluirá por suas mãos sempre que desejar.

Este é um ritual simples e rápido, mas que pode ao mesmo tempo ser muito profundo e tocante. Ainda me emociono quando lembro da minha primeira iniciação em Reiki, na qual tive uma experiência de expansão da consciência como poucas outras vezes tive.

Você pode ter ouvido alguns reikianos chamarem a iniciação de sintonização. Este termo é usado devido à maneira como Hawayo Takata (introdutora do método no ocidente) explicava a iniciação.

Ela costumava dizer que iniciar uma pessoa em Reiki é como sintonizar um rádio. Se queremos ouvir uma determinada estação, sintonizamos o rádio nesta mesma freqüência que ela. Igualmente, se queremos que a pessoa passe a canalizar o Reiki, precisamos colocar o aluno na mesma sintonia que esta energia.

Com certeza, esta concepção não faz parte dos ensinamentos originais de Mikao Usui (o fundador). O Reiki não se fundamenta na nossa cooperação com espíritos desencarnados, como ocorre no passe espírita. Desta forma, não é realmente necessária a presença de guias espirituais para que as iniciações (e aplicações) sejam eficazes. Ao contrário, tudo depende da habilitação do mestre.

Processo de limpeza Purificação e Energização.
O reikiniano após cada iniciação nos diferentes níveis do Reiki poderá sentir reações no sistema energético integrado, corpos energéticos – corpos sutis, campos energéticos – auras,centros energéticos chakras e canais energéticos nadis que estarão abertos para o processo de purificação e limpeza com expurgo de impurezas e toxinas removidas dos corpos físico, etérico, emocional mental e espiritual.
Processo de limpeza, purificação e energização do Reiki- dura cerca de 21 dias é muito intenso todo este processo por parte dos chakras que em média leva três dias para cada chakra. É diferente e variável para cada pessoa e se dá de acordo com as necessidades e escolha do próprio corpo, através do sistema imunológico.
Esse processo pode comportar graves crises, pois antigos bloqueios energéticos estarão sendo expurgados. As toxinas e impurezas consideradas com lixo energético são armazenadas no seu humano em toda a sua vida, minimizando a sua qualidade de vida.
A limpeza ocorre no corpo físico e se processa pela iluminação das toxinas do organismo através das fezes urina suor etc.
A energização ocorre no nível espiritual e se processa através do equilíbrio e harmonia.
Aconselhamos durante este processo tomar bastante água, fazer uma dieta alimentar leve com alto teor de fibras verduras, frutas e evitar alimentos enlatados, carnes vermelhas, bebidas alcoólicas, para que o processo de limpeza, purificação e energização sejam efetivos.
Durante todo processo de limpeza, purificação e energização, após cada iniciação do Reiki em todos os níveis I-II-IIA e IIIB, o reikiniano deverá efetuar diariamente auto aplicação para o perfeito equilíbrio e harmonia do sistema energético integrado


A ativação de seus canais de força.
O chakra coronário (sahasrara) é o mais importante de todos os chakras, apresentando 972 pétalas. É o elo entre nosso corpo físico e as energias superiores. Abrir esse chakrqa significa abrir a consciência e as perfeição do ser. Essa abertura traz a visão global do Universo, o caminho de crescimento, faz com que alcance a serenidade espiritual, a completa consciência do Universal, o sentido  e a visão da totalidade, de paz e fé, atinando para o sentido próprio de nossa existência. Numa sessão de Reiki a energia é captada por esse chakra, com essa técnica irá ativar e equilibrar esse chakra coronário, possibilitando que a energia Reiki seja captada em grandes quantidades, proporcionando a condição de cura de multidões, estado enfim do planeta e do cosmo.
Junte os dedos anelares, médios e polegares de cada mão. Os indicadores e mínimos devem permanecer esticados
Encoste as mãos, de forma que o dorso dos dedos médio e anelar permaneçam juntos e o dedo mínimo e o indicador da mão direita fique sobre o dedo mínimo e indicador da mão esquerda.
Leve as suas mãos ao alto de sua cabeça, como se fosse uma antena, tocando seu chakra coronário com as pontas dos dedos que estão unidos -médio, anelar e polegar.
Visualize os símbolos 4,1,3,2 exclusivamente nesta seqüência, pois funciona como uma senha, Esses devem ser desenhados no topo da cabeça e imaginados entrando pelo chakra coronário.
Fique 3 minutos nessa posição e seu chakra coronário estará ativado para captar e expandir na freqüência de multidão.
De acordo com Albert Einstein e sua fórmula E=M x C 2 e a teoria da Relatividade, matéria e massa nada mais são do que energia condensada que se apresenta com formas variadas como montanhas, oceanos rios, sendo energia, então também pode sofrer nossa interferência e ser tratado
Nesse nível, com a quantidade de energia que você passa a captar e manipular, você pode ser um agente da regeneração do planeta, ajudando-o a si e a toda a Terra.


Mandala de cristais
Os cristais,
No plano físico constituem-se na mais pura manifestação de energia e luz. São compostos de átomos em perfeita harmonia, permitindo assim a manifestação da luz em forma sólida. A ciência pela física moderna, já comprovou que são os melhores condutores e amplificadores de energia já conhecidos, sendo utilizados em fibras óticas, chips.
Um cristal de quartzo comprimido de forma mecânica começa a emitir elétrons. Ao contrário, se aplicarmos ao cristal uma corrente elétrica causa-se o movimento mecânico com uma regularidade bastante precisa. Por isso marcam a hora com tanta eficiência. Da mesma forma, ampliam e dirigem a energia Reiki, com mais rápidos e melhores resultados.


Cristais e Reiki
Os cristais de quartzo absorvem e arquivam pensamentos emoções e intenções, bem como, programados podem emitir Reiki para você todo o tempo, continuamente ou em intervalos regulares. Também podem ser programados para diversos outros fins, como para funcionar o Reiki a distância num horário preestabelecido para um determinado fim,como para uma entrevista de emprego. A energia será canalizada para a pessoa, o0bjetos, ou para quaisquer outras situações com resultados excelentes.
Trabalhando com uma mandala. Associada ao Reiki, a energia fluíra por uma média de 72 horas na mesma intensidade.
A escolha dos cristais deve ser feita com o uso da intuição ou por outro método energético,como com o pêndulo. O importante é que esse ressoe com seu campo de energia. Seu melhor guia na escolha será sua sensibilidade ao campo de energia refinada emanada pelo cristal. Na escolha use sua mão dominante, em concha, após ativar o Reiki, e encontrará o mais adequado.

Formação da mandala
Devemos adquirir oito cristais.
Você irá precisar de seis cristais parecidos para a parte externa de sua mandala, um para o centro e outro para usa5r como cristal mestre.
O do centro pode ser lapidado, tipo gerador, pirâmide, bola ou bipolar.
Os demais devem ser bipolares, tais como. Colocá-los sob água corrente, expô-los ao sol e a lua, enterrados, parcialmente no solo, com as pontas para cima, sintonizando-os com a energia da terra/sol/lua, colocá-los em água do mar ou sal grosso, defumá-lo,encobri-los com sal marinho. Aplicar Reiki com intenção de limpá-los, soprar em cada uma de suas facetas, visualizando-os ficando limpos.
Após a limpeza devemos aplicar Reiki em cada um dos oitos cristais pelo menos 10 minutos programando-os com o objetivo de proporcionarem amor, cura e transformação. Para isso, ative os símbolos 4,3,2 sobre o cristal. Coloque-o entre sua mãos em concha e afirme 3 vezes. Este cristal esta sendo programado para trazer amor, cura e transformação.
Ative o símbolo 1 e aplique Reiki mantendo-o entre as mãos pór um mínimo de 10 minutos.

Hexagrama
As mandalas são desenhos geométricos que contém energias,como a cruz de cristo a suástica de Hitler e tantos outros conhecidos. Essas linhas desenhadas no papel criam um efeito psíquico no espaço ao redor do desenho e irão influenciar a aura humana e os chakras de várias formas. Tem sua origem em épocas remotas, tendo sido usado pelo Rei David- estrela e David, grupos esotéricos, antigos, seitas e ocultistas do passado. Em radiestesia é considerado um gráfico harmonizador e unificador. Compõe de dois triângulos, um voltado para cima e outro na direção oposta. Pode ser usado para elevar a consciência, harmonizar ambiente, manifestar no plano físico a vontade do plano superior, auxiliar em estudos profundo, aguçar a intuição, contatar o nosso eu superior, trazer proteção espiritual, limpar ambientes para relaxamento e meditação, nos fazer mais receptivos,dentre inúmeras outras aplicações.

Antakarana
Essa é uma palavra sânscrita- antar- meio e Karana – causa instrumento.
O antakarana, tem seu uso voltado para representar a ponte entre a mente superior e inferior, para ser  o instrumento operacional entre elas. Muitos livros descrevem esse símbolo como parte da anatomia espiritual, fazendo a ligação entre o cérebro físico e o eu superior.
A ligação que deve crescer para nosso desenvolvimento espiritual. Seu símbolo ativa essa conexão onde você esteja. Também é um símbolo de meditação e cura que vem sendo usado no Tibet por milhares de anos. É um símbolo poderoso e apenas sua presença cria um efeito positivo na aura e nos chakras. É um símbolo especial que tem sua própria consciência. Esse símbolo pode ser usado sobre a mesa de aplicação de Reiki, sob o assento de uma cadeira, na parede e em diversos outros lugares. Cria a grande ordem micro cósmica no ponto em que as energias psíquicas, que normalmente entram pelo chakra coronário, entram pelos pés e viajam subindo por trás do corpo até o topo da cabeça e daí descem pela frente até os pés novamente, ligando assim, as pessoas a terra e criando um contínuo fluxo de energia através dos chakras. Isso neutraliza energias negativas coletadas em objetos como jóias, relógios, pedras etc.
Além disso, intensifica todos os trabalhos de cura, incluindo Reiki entre outros. Por ser um símbolo multidimensional, atua em diferentes planos, sendo composto por três setes numa superfície plana. Esses três setes, representam os 7 chakras, as sete cores do arco íris e os setes tons  da escla musical. São mencionados no livro das revelações como as sete velas, trombetas e os sete selos. Sua energia move-se e sobe através das dimensões invisíveis, até o eu superior. Não é muito difundido pois era restrito a alguns mestres tibetanos que o guardavam para si. O Reikiniano que usar esse símbolo ira ter reforçado sua forte conexão entre seu cérebro e o Eu superior.

Mandala de Cristais.
Podemos criar uma mandala usando um símbolo potente como o hexagrama ou antahkarana e oito cristais.
Essa mandala servirá para enviar reiki visando curar proteger, atingir metas, realizar, enviar Reiki para diversas pessoas e situações simultaneamente, sendo que essa emanação ira ocorrer independente de sua presença ou do que estiver  fazendo.
Deve apenas a mandala ser reativada a cada 72 horas, Serve para não só resolver situações pessoais, mas também para curar e guiar nossas vidas. Também, se viajar e quiser manter a mandala energizada da mesma forma, tire uma foto e leve-a com você junto com o cristal mestre. Utilizando o Hon Zha Ze Sho Nem você se conectará com a mandala e a energizará com o cristal em sua mão. A foto irá manter a sua volta uma forte energia curativa e protetora.
Prepare um local especial ao qual, de preferência, só você tenha acesso. Nele você montara sua mandala. Esse local pode ser um altar ou outro qualquer que, para você, será sagrado.
Escolha um pano ou uma cartolina para forrar o local onde será colocada a mandala.
Desenhe, pinte o hexagrama ou o antahkarana sobre o pano ou cartolina.
Escolha 8 cristais, usando a intuição, que devem ser purificado antes de serem usados.
Aplique, usando os símbolos 4,3,2,1, Re3iki em cada um dos cristais, entre as mãos, pelo tempo mínimo de 10 minutos. Faça três afirmações para cada um após o símbolo 2 como, por exemplo: Esse cristal esta sendo programado para Amor, cura e transformação, podendo se quiser, nesse momento fazer preces, pedindo que os Anjos e Arcanjos o ajudem a  energizar e programar os cristais.
Escolha o cristal que pareça mais yang-masculino e esse será o cristal Mestre para energizar os outros cristais, fazendo a interligação entre os 8 cristais que ficarão nas pontas com o cristal do centro mantendo a mandala ativada.
Coloque um dos seis cristais em cada ponta do hexagrama ou do Antahkarana, com suas pontas  direcionadas para o centro da figura. O cristal mestre é colocado do lado de fora da mandala. A distancia entre os cristais pode variar de 20 a 30 cm, dependendo do tamanho da mandala.
Coloque o oitavo cristal no centro, sendo que se esse for um bipolar ficara alinhado com os outros dois. Não mova os cristais para não enfraquecer a conexão energética formada. O cristal central será base para a colocação dos pedidos.
Prepare envelopes, um para cada pessoa, onde serão colocados fotos e cartões com pedidos. No verso da foto e cartões de pedidos desenhe os símbolos 4,3,2,1 com os mantras respectivos 3 vezes. Nos cartões devemos colocar os dados pessoais- nome-endereço, os pedidos e afirmações.

Use afirmações como:
Eu me permito curar e transformar toda a vida ao meu redor
Eu sou pleno de felicidade e harmonia
As energias que fluem através de mim se tornam cada vez mais fortes.
Os pedidos devem ser colocados no cristal central. Eles receberão Reiki da mandala sem interrupção.
Após a colocação dos envelopes, contendo as fotos e os pedidos debaixo do cristal, aplique sem encostar-se ao mesmo, sobre o cristal central, usando os símbolos 4,3,2,1,mais 10 minutos de Reiki
Segure o cristal mestre com sua mão direita. Leve-o ao centro, aponte-o , gire-o sobre o cristal do centro e mova-o para um dos cristais externos, indo de um cristal a outro, sempre voltando ao centro e retornando ao mesmo cristal, como se estivesse cortando pedaços de uma torta. Esse processo é feito num pouco acima da mandala, imaginando a energia Reiki saindo do cristal mestre e energizando a mandala. Esse procedimento pode ser feito tanto no sentido horário como no anti-horário, dependendo como se sinta.
Gire o cristal mestre em torno da mandala pelo menos de 8 a 10 vezes. Enquanto energiza a mandala com o cristal mestre, pronuncie ou mentalize afirmações como:
Essa mandala  para curar...curar...curar...Eu energizo essa mandala com amor para transformar, transformar, transformar, realizar, realizar.realizar.
Com sua intuição criativa crie novas afirmações
Repita a mesma operação a cada 72 horas, para manter a mandala ativada e energizada. Se puder e preferir, energize a sua mandala em menores espaço de tempo.
Uma nova limpeza nos cristais deve ser feita somente quando mudar ou introduzir novo pedido sob o cristal central.

 

Livros recomendados para quem goste do assunto e/ou queira se projetar conscientemente:
1- Ele: Meu Amigo Espiritual. Luiz Carlos Carneiro. Editora LAKE. São Paulo, 1991. 94p.
2- Ensaios Extracorpóreos. Luiz Araújo. Edição do IIPC, 1998. 126p. 2a edição.
3- Projeções da Consciência: “Diário de Experiências Fora do Corpo Físico”. Waldo Vieira.
Edição do IIPC, 1999. 224p. 5a edição.
4- Vivendo em Múltiplas Dimensões. Glória Thiago. Edição do IIPC, 1999. 366p. 1a edição.

Instituto Internacional de Projeciologia e Conscienciologia

Instituto Medeiros de Pesquisas Conscienciais
Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas

Fonte: Reiki*Eduardo Fonseca

CONTATOS

Tels.: 3816-1137 • 3816-3780 • 3814-9396 • 9-9999-0506
wilma.nubiato@yahoo.com.br

COMO CHEGAR

Rua Paulistânia, 593 - Sumarezinho - São Paulo

MENSAGENS

Preencha o formulário abaixo e envie-nos sua mensagem

Psicovia Terapia do Ser - 2016 - Todos os direitos reservados. -

Desenvolvimento